quinta-feira, 8 de julho de 2010

AOS MEUS AMORES

À minha mãe querida, Dinorah, minha primeira professora, que durante toda sua vida só nos concedeu carinhos e cuidados, doando dias e noites à família, abandonando seus sonhos e ilusões para nos dedicar todo seu amor.
Ao meu querido netinho Nícolas, que me trouxe de volta a esperança e sinalizou que a vida continuará, a despeito das fraquezas humanas, e que vale a pena lutar por uma causa justa, não importam os sacrifícios.

Às minhas queridas filhas, Luciana Harumi e Mônica Yuri, razões maiores de meu viver, que me tornaram melhor e inspiraram meus sonhos e o desejo de realizá-los, ainda que o caminho fosse longo, difícil e improvável.

À minha querida Mory, paixão eterna, amor incondicional, mulher exemplar e digna, generosa e sábia, que me fez enfrentar e superar todos meus medos e limitações, tornando possível o sucesso em todos os meus empreendimentos.

Ao meu pai querido, Ulysses, homem sábio, digno e justo, humilde e generoso, presente em todos os momentos especiais de minha vida, que me ensinou o que sei e aquilo que não fui capaz de compreender.

A todos vocês, o meu carinho.

Nenhum comentário: