quinta-feira, 8 de julho de 2010

O RIO DESCE A MONTANHA

Vargem Bonita, A partida, 1º de junho de 2009

Sul: 20° 19´ – Oeste: 46° 29´ – Altitude: 829 metros

Hoje seria um dia decisivo para minha expedição, quando finalmente iniciaria a etapa náutica, percorrendo as vertentes das colinas nas corredeiras do São Francisco. Minha expectativa aumentava a cada minuto, ansioso por embarcar.

A manhã toda foi de preparativos e de revisão do equipamento.

Conforme indicações de amigos e de moradores locais, eu sairia de um local distante cerca de 5 km de Vargem Bonita, em direção à Casca Danta. Encontramos um parque de arvorismo à beira-rio, com boas possibilidades de embarque. Procuramos os proprietários e eles nos autorizaram a utilizar suas praias de rio, repletas de cascalhos e águas cristalinas.

Passamos mais duas horas para descarregar a canoa, limpá-la, colar os adesivos da expedição e embarcar toda bagagem, amarrando-a ao piso do barco para evitar que se dispersasse, em caso de uma provável rolagem nas corredeiras. Afinal, não tivera nenhum treinamento nessas águas agitadas, conhecidas como águas brancas, devido às espumas formadas na sua superfície, que muitos me disseram não existir no São Francisco. Veremos...

Às 13h30 coloquei minha canoa “Ulysses”, nas águas do Velho Chico.

Nenhum comentário: